Search

A Chef Valéria Minczuks desvenda alguns dos pratos típicos da culinária ucraniana, no Bistrot Venuto, em São Paulo

Qual foi a inspiração para o Jantar Ucraniano?

A inspiração da montagem do cardápio veio de minha avó ucraniana, que ensinou minha mãe e que me ensinou. Com a situação atual que a Ucrânia está passando, com os nossos parentes fugindo da Guerra e muitos chegando no Brasil. Eu fui convidada pelo Antônio Zimerlle para ir ao Programa do Edu Guedes na Band (The Chef) para ensinar algumas receitas de nossa família. Logo em seguida o dono do restaurante Venuto, Frederic Renault e sua esposa Poliana, me convidaram para montar um cardápio ucraniano para arrecadarmos fundos para os refugiados ao Brasil. No início era para ser só dois jantares, mas com a procura acabamos fazendo quatro, todos sold out. Com isso, apoiamos os Fundos da Ucrânia/Cidade Social sediada em São José dos Campos.

Nos fale sobre os pratos servidos no restaurante Venuto.

Os ingredientes usados são batatas, beterraba, repolho, muita nata, manteiga, fermentados como pepino, repolho. Nestes jantares o prato queridinho é a Borscht, sopa de beterraba com batatas, cenouras, repolho e defumados, servida com uma colher generosa de nata. O Varenik também faz sucesso aqui no restaurante, massa recheada com batata e queijo branco, servido com cebolas caramelizadas e nata, o nome do prato pode variar de região para região: pieroguies ou perohê.

Onde comer em São Paulo?

Falar de restaurantes em São Paulo, sempre é complicado, estamos cercados de Chefs incríveis e para todos os gostos! Semanas atrás fui conhecer o Tanit e me apaixonei, Mocotó sempre abraça, Dhomus traz sabor, A Casa do Porco mostra a inteligência de fazer tantas coisas incríveis com o mesmo ingrediente, komah e TonTon trazem sabores diferenciados. Uma pequena lista entre tantos restaurantes maravilhosos que São Paulo nos brinda.

Fotos reprodução/Instagram @valeriaminczuks

Write a response

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close
Close