Search

Tina Lyra, Fundadora e CEO da TL Portfolio em entrevista exclusiva para a BlackCard Digital

Por Elaine Leme


Em um mundo de tanto caos e incerteza, uma coisa é certa: o viajante está com desejo de viajar, tanto para destinos nacionais quanto para destinos internacionais. Segundo pesquisa sobre viagens de luxo no Brasil realizada pelo TRVL Lab em uma parceria com a ILTM, publicada no ILTM & PANROTAS ANNUAL LUXURY TRAVEL REPORT 2021/2022 Brazil/Latin America, as principais tendências são: o turismo nacional que ainda será bastante valorizado, com novos destinos sendo descobertos, viagens mais tranquilas, para destinos menos explorados e com mais atenção à responsabilidade e sustentabilidade.

Perguntamos a Tina Lyra, fundadora e CEO da TL Portfolio, referência no turismo de luxo, que compartilhou os roteiros que serão tendências e o futuro do turismo pós pandemia.

Como a TL Portfolio ajuda os seus clientes com a retomada do turismo? O que mudou nesses dois anos de pandemia e quais foram os maiores desafios?
A TL Portfolio tem o papel de colocar seus clientes no mapa. Unindo os trabalhos que realizamos em todas as frentes: PR, vendas, eventos, marketing, redes sociais, branding, nós fazemos com que o mercado e as publicações estejam sempre com nossos clientes em mente, o que é essencial para a retomada do turismo. Existe uma frase que todo mundo já ouviu, mas que é muito verdade: em toda crise existe uma oportunidade. E na pandemia não foi diferente. Sempre soube que as empresas que se mantivessem fortes e conseguissem passar pela pandemia, estariam ainda melhores quando ela acabasse. E com a TL Portfolio foi exatamente assim. Nesses dois anos enxergamos muitas oportunidades como a realização dos TL Talks semanalmente trazendo as figuras mais ilustres do mercado e da indústria do turismo para falar sobre temas relevantes e que todo mundo queria ouvir naquele momento. Essas conversas proporcionaram muitas reflexões e posicionaram a TL Portfolio em um lugar de destaque durante a pandemia.

Com a retomada do turismo de luxo, quais são os novos hábitos dos consumidores e quais são os roteiros que serão tendências?
Os viajantes passaram a valorizar ainda mais os hotéis que são verdadeiros refúgios na natureza, como é o caso de Termas Chillan, por exemplo. Porque os hóspedes se sentem em contato com o verde, com o ambiente externo, algo que nos foi tão privado nesses últimos anos. Outro hábito importante é se sentir protegido, por isso, iniciativas como a do novíssimo hotel Susana Balbo Winemaker´s House são tão valorizadas. Eles criaram spa-suítes, ou seja, não existe um spa de uso comum no hotel. Cada hóspede tem sua própria sauna individual, banheira de imersão e realiza seus tratamentos de spa dentro do próprio quarto.
A América Latina está muito em alta para os brasileiros, uma vez que são roteiros fáceis e de rápida duração como Argentina, Chile, México… Sentimos que os viajantes estão dando preferência para esses destinos que não demandam muitas horas de voo retomar as viagens. Mas, em breve os destinos mais distantes estarão com tudo novamente.

Para você, qual o conceito de luxo?
Luxo para mim nunca foi sinônimo de peças douradas, tapeçaria, lustres e cristais. Todos esses simbolismos não representam o que de fato é o luxo para mim. Luxo é ser autêntico e quando falamos da hotelaria, isso está em todos os processos da experiência no hotel. Tem a ver com a coerência entre a história que o hotel conta e a imagem que o hotel passa aos hóspedes. Por exemplo, se falamos de Casa de Uco, em Mendoza. O próprio nome do hotel já diz o que espero: uma casa, em que serei acolhido, bem recebido. O hotel tem uma estrutura de casa mesmo, sem aquela recepção tradicional, com luzes acolhedoras, decoração com sofá de couro, mantas e lareira que me remetem a uma casa mesmo. Uma gastronomia que abraça, com ingredientes sazonais e frescos, que valorizam os produtores locais… isso é luxo.

Qual impacto do seu trabalho na vida das pessoas? O meu trabalho possibilita que as pessoas realizem sonhos. Viajar é sobre isso e trabalhar com o turismo é fazer isso acontecer. Ao apresentar os nossos clientes aos agentes de viagens, possibilitamos que eles possam fazer viagens incríveis acontecerem e que vão marcar a vida daqueles hóspedes pra sempre. Não tem nada melhor do que saber que a curadoria que fazemos na TL Portfolio é referência. Por isso, tantos profissionais da indústria indicam nossos clientes de olhos fechados porque sabem que os viajantes ficarão satisfeitos e terão uma experiência de viagem maravilhosa.

Qual hobbie ou atividade pessoal desperta sua melhor versão para o trabalho? Eu sou mergulhadora master e meu marido é instrutor de mergulho. Como é uma das minhas maiores paixões há anos, tento sempre que posso viajar para mergulhar. É uma atividade que me faz muito bem, renova minhas energias e deixa minha mente serena. Tudo o que preciso para ter ideias e seguir trabalhando bem. Também amo esquiar e ao menos duas vezes por ano viajo com toda minha família para destinos de esqui, onde vivemos momentos memoráveis.  

Write a response

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Close
Close